fbpx
6ª Edição Festival do Arroz Carolino
6ª Edição Festival do Arroz Carolino
6ª Edição Festival do Arroz Carolino

Conheça a história da deliciosa Carolinata da Chef Célia Mendes

Estivemos à conversa com a chef de pastelaria, Célia Mendes, para saber mais sobre a criação da deliciosa Carolinata. Este doce exclusivo é a sua criação para o Festival do Arroz Carolino das Lezírias Ribatejanas e tem como base o Arroz Carolino das Lezírias Ribatejanas. Conheça a história por trás deste doce único e saiba como a Chef Célia Mendes desenvolveu a receita perfeita.
Carolinata
Carolinata

O início da Carolinata

Quando questionada sobre como surgiu a ideia de criar a Carolinata, a Chef Célia Mendes refere que não foi bem uma ideia, mas sim um convite para participar no “Arroz com Doce” por parte da Câmara Municipal de Benavente em 2017. A partir daí, começou a trabalhar várias receitas tendo como base o Arroz Carolino das Lezírias Ribatejanas. A chef explica que foi fácil usar os doces que mais gosta e enriquecê-los nas diversas formas de confeção. A sua inspiração, são os desafios é ouvir o silencio daqueles que provam a Carolinata, e a possibilidade de trabalhar um produto extremamente valioso e versátil.

Características da Carolinata

Sobre as características que gostaria que as pessoas associassem à Carolinata, a Chef Célia Mendes não tem dúvidas, obviamente, uma boa taça de arroz-doce cremoso, que só as avós sabem fazer. A qualidade de excelência do Arroz Carolino das Lezírias Ribatejanas confere e absorve todos os aromas dos temperos de um bom arroz-doce.

Processo de desenvolvimento da Carolinata

Célia Mendes explica que todos os processos desenvolvidos tiveram uma grande dedicação, não só na escolha dos ingredientes, mas também na forma de os aplicar e nas diferentes formas de os confecionar. O maior desafio foi conseguir encontrar o equilíbrio perfeito de um doce abrangente à maioria dos gostos.

Sabor da Carolinata

Qual o sabor predominante da Carolinata, e como descrevê-lo a alguém que nunca provou?
“A Carolinata não tem um sabor predominante, mas sim uma fusão suave de sabores, de uma nata arroz doce, cremosa e suavizada com um toque abaunilhado.” referiu Célia Mendes.

Para aqueles que ainda não experimentaram a Carolinata, a chef recomenda que não percam a oportunidade de provar esta sobremesa irresistível, no Festival do Arroz Carolino das Lezírias Ribatejanas, nos próximos dias 19, 20 e 21 de maio na zona ribeirinha de Benavente.

Expectativas para a reação do público

A Chef de Pastelaria, espera que as pessoas reajam à Carolinata da mesma forma que têm reagido até agora, ou seja, que ninguém consiga provar apenas uma. O sucesso do doce é evidente, e a chef acredita que é resultado da dedicação e do amor, colocados em cada etapa do processo de criação.

Célia Mendes não para de surpreender com a sua criatividade!

Além da deliciosa Carolinata, criou outros doces inspirados no Arroz Carolino das Lezírias Ribatejanas.

O Carolino Brûlée é uma das sobremesas criadas pela Chef, que apresenta uma crosta crocante e um interior cremoso com sabor de arroz-doce. Já o Toucinho da Lezíria é uma sobremesa tradicional que a Chef adaptou com arroz carolino, resultando num doce mais delicado e suave.

Outro doce que vale a pena experimentar é o Fardinhos de Maçã, que combina o sabor doce da maçã com o sabor levemente amanteigado do arroz carolino. E, para quem é fã de chocolates, o Carolino Rocher é uma versão criativa do famoso bombom, com Arroz Carolino das Lezírias Ribatejanas na sua composição.

Destaque também para o FranXiro, um doce oficial de Vila Franca de Xira. Com Arroz Carolino das Lezírias Ribatejanas na sua composição, o FranXiro é uma sobremesa tradicional portuguesa que ganhou um toque especial da Chef, resultando numa receita única e deliciosa.

Festival Arroz Carolino

Festival Arroz Carolino

Deixe um Comentário

6ª Edição Festival do Arroz Carolino
6ª Edição Festival do Arroz Carolino

Saiba tudo sobre festival do arroz Carolino